Pesquisar

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Quaresma tem instruções para não se apresentar no FC Porto




SAD tenta negociar o extremo, mas este já recusou sair, por exemplo, para o Bursaspor - que pagava seis milhões. Quaresma sabe que não vai fazer parte do plantel e hoje não deverá estar no Olival.

Ricardo Quaresma vai ser a principal ausência no arranque dos trabalhos para a época 2015-2016 da equipa de futebol profissional do FC Porto, agendado para hoje no Olival.
O extremo recebeu indicações da SAD para não se apresentar juntamente com os restantes futebolistas, pois não vai fazer parte do plantel às ordens de Julen Lopetegui. Por outras palavras, Ricardo Quaresma foi dispensado pelo treinador espanhol, uma medida que não colheu de surpresa a SAD, que nas últimas semanas tem tentado resolver airosamente a situação de forma a conter uma reação menos positiva dos adeptos, pois Quaresma é um dos futebolistas mais apreciados pela massa associativa.
Com mais um ano de contrato por cumprir, Ricardo Quaresma tem sido sondado por alguns clubes interessados nos seus serviços. O Bursaspor, por exemplo, propôs um salário mensal de 300 mil euros limpos ao futebolista e estava disposto a pagar seis milhões de euros ao FC Porto, verba aceite pela SAD, mas Ricardo Quaresma não está disposto a regressar à Turquia, a não ser que o Besiktas o desejasse, pois foi no clube de Istambul que se mostrou naquele país e com o qual estabeleceu uma relação especial.
Aos 31 anos - completa os 32 a 26 de setembro próximo -, Ricardo Quaresma vai encetar uma nova etapa profissional, a menos que faça finca-pé em permanecer no Dragão. Sendo pouco crível que Lopetegui recue na dispensa do extremo, esse é um cenário que não está ainda 100% afastado se, porventura, não existir uma proposta que satisfaça todas as partes ou se não existir um acordo tendo em vista uma rescisão amigável do contrato que une Ricardo Quaresma ao FC Porto, muito embora esta última possibilidade não esteja a ser equacionada no preciso momento.

1 comentário:

Anónimo disse...

Cruzeiro entrou na briga!